Página Inicial / ASSESSORIA DE IMPRENSA / REGIONAL / Município de Flores cai do 9º lugar em 2016 para 88º lugar em 2017, na transparência pública

Município de Flores cai do 9º lugar em 2016 para 88º lugar em 2017, na transparência pública

O Índice de Transparência dos Municípios de Pernambuco (ITMPE) é obtido a partir do levantamento realizado pelo TCE-PE nos Portais de Transparência das 184 prefeituras pernambucanas.

Levantamento realizado pelo Tribunal de Contas do Estado mostra uma involução no nível de transparência da Prefeitura de Flores, em comparação aos números do ano passado. Em 2016, na gestão da republicana Soraya Morioka, o índice alcançado foi de 646 pontos, ranqueando o município de Flores em 9º lugar em todo o estado de Pernambuco. Veja aqui: http://tce.pe.gov.br/indicedetransparencia2016

Este ano de 2017, no governo do Marcone Santana (PSB), o município de Flores figurou no 88º lugar com 528 pontos, o que constitui diminuição na transparência na divulgação das receitas e despesas do Portal do município, o que torna menos efetivo o controle social e o exercício da cidadania. Veja aqui: http://www.tce.pe.gov.br/indicedetransparencia2017/.

O estudo foi elaborado a partir de um diagnóstico dos portais de transparência das 184 prefeituras do Estado, feito entre os meses de maio e novembro deste ano. Para cada portal avaliado foi calculado o Índice de Transparência dos Municípios de Pernambuco –  ITMpe,  que pode variar entre zero e 1.000 pontos. De acordo com o valor obtido, os portais são classificados em cinco níveis de transparência, Desejado, Moderado, Insuficiente, Crítico e Inexistente.

No ranking dos municípios que ocupam as 10 melhores posições estão Recife, Jaboatão dos Guararapes, Garanhuns, Gravatá, Brejinho, João Alfredo, Calçado, Olinda, Cabrobó e Taquaritinga do Norte

Fonte: TCE-PE.

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com